O Portal Jack Comunica não se responsabiliza pelos conteúdos publicados pelos nossos colunistas.

O Portal Jack Comunica não se responsabiliza pelos conteúdos publicados pelos nossos colunistas.

Pretas por Salvador é a primeira mandata coletiva na Câmara Municipal da capital baiana

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Agora uma das cadeiras da Câmara Municipal de Salvador é ocupada pela primeira mandata coletiva da Bahia, Pretas Por Salvador. As co-vereadoras da coletiva, Cleide Coutinho, Gleide Davis e Laina Crisóstomo, tomaram posse na tarde desta sexta-feira (1).

Antes da cerimônia, a mandata realizou um ato inter-religioso em frente à Câmara. Em oração a Jesus Cristo e Oxalá, Cleide, Gleide e Laina pediram força e guia para juntas combaterem o ódio, o fascismo e o fundamentalismo em Salvador.

Mais uma vez as Prestas prestaram homenagem a Marielle Franco, carregando uma plaquinha com a frase “Nós nos comprometemos com a Agenda Marielle Franco”. A agenda é um projeto que reúne apoiadores comprometidos com pautas e práticas antirracistas, feministas e populares a partir do legado de Marielle.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Na saída da Câmara, as co-vereadoras foram recebidas por aplausos e manifestos positivos de apoiadorxs. ‘Pretas Por Salvador’ foi eleita para vereadora nas Eleições 2020 pelo Psol, recebendo 3.635. As redes sociais da coletiva já acumula mais de 5000 seguidorxs ativxs e adeptxs às causas de Cleide, Gleide e Laina. São três histórias de vida que, apesar de terem suas particularidades, cada, carregam juntas consigo a militância, a luta contra o fascismo e a resistência pela ocupação.

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.