O Portal Jack Comunica não se responsabiliza pelos conteúdos publicados pelos nossos colunistas.

Saúde

Na hora de comer, o que fazer com a máscara?

 

Foto Divulgação / Fabianna Bahia, infectologista e Coordenadora do SCIH do Hospital Espanhol
A pandemia segue e nós seguimos nos reinventando, diante das situações do tal do novo normal. 
Segundo a infectologista Fabianna Bahia, se a máscara que estiver sendo usada por alguém com Covid, for deixada exposta, fora de uso, num ambiente em que estejam outras pessoas, estas podem vir a ser contaminadas pela exposição desta máscara, enquanto estiver fora do rosto do seu usuário. 
Num ambiente hospitalar, as reinvenções têm sido tão necessárias quanto à necessidade de implantação segura e imediata de novos protocolos de saúde. 
No refeitório do Hospital Espanhol, são entregues saquinhos de papel aos colaboradores, quando chegam para as refeições, após terem lavado as mãos. 
São saquinhos individuais que devem ser utilizados para acondicionar as suas máscaras, enquanto se alimentam. Protegendo a mesma e o ambiente que é frequentado por outras pessoas, momentaneamente, sem máscaras. 
“A implantação desta rotina é muito importante, pois o cuidado correto com a máscara é uma das medidas preventivas contra a Covid-19. 
Chamamos à atenção, ainda, para não sujarmos nossa máscara ou permitirmos que o objeto se contamine nas superfícies em que possamos deixá-la, enquanto nos alimentamos – como mesa, nosso colo, bolsos ou bolsas, por exemplo” – alerta Dra Fabianna Bahia que é Coordenadora dos Serviço de Infectologia e de Controle de Infecção Hospitalar do Hospital Espanhol. 
E você, quando precisa fazer alguma refeição fora de casa, como guarda sua máscara, enquanto come?
 

Leve consigo sempre um saquinho plástico, de pipoca… ou um envelope. Mas não esqueça de jogá-lo fora depois se for papel ou lavá-lo, se for plástico. A higienização dos reutilizáveis ou o desprezo dos descartáveis, deve ser feito da mesma forma que você faz com as máscaras. 
Fica a dica da infectologista!

Tags

Fabio Almeida

Tenho 38 anos, nascido em Salvador/Ba, um soteropolitano nato. Jornalista de profissão sigo o compromisso e responsabilidade com a verdade e apuração dos fatos.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios