O Portal Jack Comunica não se responsabiliza pelos conteúdos publicados pelos nossos colunistas.

Ação e Cidadania

Medalhista Olímpico Edvaldo Valério lança campanha de doação de sangue na Hemoba

Na semana da abertura oficial das Olimpíadas de Tóquio, o nadador e medalhista olímpico Edvaldo Valério realizou doação de sangue na Fundação Hemoba e lançou uma campanha para incentivar a doação regular em toda a Bahia. Para integrar o grupo da campanha ‘Sangue de Campeão’, os voluntários a doação de sangue devem informar o código 0200 antes da doação em um dos 27 postos de coleta no estado.

“A pandemia tem sido um momento difícil para todo mundo, mas é também um momento de muito aprendizado, de ter mais solidariedade, olhar mais para o próximo. Já tomei minha vacina, cumpri o prazo e estou aqui fazendo minha doação de sangue. Convido a todos para virem doar também e fazerem parte do nosso grupo sangue de campeão, basta informar o nosso código 200 e ajudar a salvar vidas”, pontua o medalhista.

Valério, que atualmente é gerente de esportes aquáticos da prefeitura de Salvador, além de doar, está mobilizando os alunos e colegas para fazerem o mesmo.

Doação após a vacina – Segundo Nota Técnica da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), as pessoas que recebem a vacina Coronavac podem doar sangue 48 horas após cada dose do imunizante. Já quem recebeu as Vacinas Astrazeneca, Pfizer ou Janssen precisa esperar sete dias para realizar a doação.

Doação em grupo

Para realizar as doações em grupo na Hemoba, é necessário fazer o agendamento através do e-mail horamarcada@hemoba.ba.gov.br, com informações do nome do grupo e a quantidade prevista de doadores. Após a confirmação do agendamento, cada grupo recebe um código personalizado para contabilizar o número de voluntários que foram mobilizados e que compareceram ao hemocentro.

Para doar sangue, o voluntário deve estar em boas condições de saúde, pesar acima de 50 quilos e ter idade entre 16 e 69 anos – menores de 18 anos devem estar acompanhados por um responsável legal. É necessário estar descansado (ter dormido pelo menos 6h nas últimas 24h) e bem alimentado, tendo, preferencialmente, ingerido alimentos sem gordura, e portar um documento oficial com foto (RG, carteira de trabalho, carteira de motorista ou de reservista) em bom estado de conservação.

Tags

Jacson Gonçalves

Tenho 25 anos sou natural de Salvador, Bahia. Sou cadeirante, jornalista, Blogueiro e Digital influencer. Ser jornalista é também contribuir com o exercício da profissão e ter na veia a responsabilidade social de levar informação e entretenimento.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios