O Portal Jack Comunica não se responsabiliza pelos conteúdos publicados pelos nossos colunistas.

Serviços

Manhã musical no Hospital Espanhol

A Banda Guardiões da Cidade, formada por músicos da Guarda Civil Municipal (GCM), passou parte da manhã desta quinta-feira(15), na porta principal do Hospital Espanhol, tocando e animando os Heróis da Saúde que estavam de plantão.

Quando o carro que trazia os músicos estacionou, no pátio do Centro de Tratamento Covid-19 que é referência na Bahia e completa um ano de funcionamento no próximo dia 22 de abril, chovia, o céu estava cinzento como os dias da pandemia. Mas um arco-íris surgiu sobre o mar, como um sinal de que a manhã seria especial. Como um sinal de que dias melhores virão, sim!

A ideia desta ação de levar música para proporcionar um momento de relaxamento aos profissionais da Linha de Frente da Saúde, partiu do guarda municipal Ubirajara Azevedo, integrante da banda e que perdeu o pai, recentemente, para a Covid-19. A primeira apresentação aconteceu no último dia 7, enquanto o pai do Guarda Ubirajara ainda estava internado no Hospital do Subúrbio. “Por conta desta perda, provocada pelo Coronavírus, iriei levar alegria, por meio da música, para os Hospitais de Campanha e para os Pontos de Vacinação para que todos celebrem a vida” – argumentou Azevedo, transformando a dor em amor.

Descontração e emoção

Com um repertório eclético e variado, os Guardiões da Cidade descontraíram, emocionaram, provocaram risos e choros, tiraram samba dos pés que pouco param e palmas das mãos que tanto cuidam, motivaram danças e até coreografias dos Heróis da Saúde. Foi um momento de relaxamento mais do que merecido!

“É especial e gratificante poder promover isso aos colaboradores. A música encanta e renova. A responsabilidade social do Hospital Espanhol é imensa, nesta pandemia. Já curamos cerca de 2.200 vidas e a gente agradece por este presente” – comentou a Gerente Administrativa do HE, Fabiana Daltro. O presente chegou antecipado, já que daqui a uma semana, o Hospital completa um ano de funcionamento, desde que foi reaberto.

Adriana Brito, enfermeira da UTI 4, estava aproveitando o som, dançando, tentando descontrair, mas muito emocionada, falou: “A música faz toda a diferença. A gente tem a energia renovada, para dar o melhor suporte aos nossos pacientes. A luta diária é árdua. Mas devolver um paciente curado para a sua família é muito gratificante. Somos gratos, também, à Guarda Civil Municipal, por pensar em nós, reconhecendo o nosso trabalho e esforço”.

E com esta ação, a GMS comungou e praticou a filosofia do INTS que faz a gestão do Hospital Espanhol de “cuidar de quem cuida”. Valeu GMS! Foi demais!

Marília Simōes
MTb 1474Ba
71 99989 6677

Tags

Jacson Gonçalves

Tenho 25 anos sou natural de Salvador, Bahia. Sou cadeirante, jornalista, Blogueiro e Digital influencer. Ser jornalista é também contribuir com o exercício da profissão e ter na veia a responsabilidade social de levar informação e entretenimento.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios