O Portal Jack Comunica não se responsabiliza pelos conteúdos publicados pelos nossos colunistas.

Dentista Danielly Moura, uma das maiores especialistas Harmonização facial no Brasil, ministra a 4ª edição do Harmony face

Foto divulgação

Nos próximos dias 22 a 24 de outubro, a Dra. Danielly Moura, uma das maiores especialistas em Harmonização Orofacial do Brasil, ministra a 4ª edição do Curso Harmony Face, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, módulo básico.

A Harmonização Orofacial pode ser definida como o  conjunto de procedimentos que visa contribuir para estética e funcionalidade à face. O objetivo da técnica é oferecer um sorriso “correto” e saudável ao paciente, mas combinando-o com a estrutura da face, valorizando traços e anatomia do rosto, elevando sua autoestima, sensação de bem-estar e qualidade de vida. 
“O procedimento é indicado para quem busca correção de estética e funcionalidade de dentes, gengiva, lábios, mandíbula, maxilar, entre outros, sempre considerando a estrutura facial de cada indivíduo, de maneira minimamente invasiva”, explica Dra. Danielly Moura, cirurgiã-dentista e especialista em Harmonização Orofacial pela FAIPE-RJ, pós-graduada em HOF, implante e prótese pela UEMC, Dra. New Age Barcelona UIC e treinada pela MARC Institute de Miami.

 Além disso, ministra os cursos Harmony Face, voltado para dentistas, biomédicos, farmacêuticos e enfermeiros com especialização em estética, já em sua 4 ª edição, entre os dias 22 e 24/10, no Rio de Janeiro e com convites para Bahia, Brasília e outros estados. A procura pelo curso tem sido grande, pois é uma prática menos invasiva e traz harmonia estética e interior, bem estar e saúde bucal, física e mental.

Entre os tratamentos que podem ser utilizados para a Harmonização Orofacial, podemos citar: aplicação de toxina botulínica (botox), ácido hialurônico, ácido deoxicólico, bioestimuladores de colágeno , bichectomia , fios de sustentação entre outros. Para atuar nesta especialidade, o CFO exige a realização de uma pós-graduação, que só existe para a Odontologia.  A própria resolução estabelece os requisitos que o curso de especialização em Harmonização Orofacial deve seguir, para que o dentista possa obter o título de especialista, após o registro e a inscrição no Conselho. A formação básica dos dentistas, aliada à pós-graduação na área, torna o profissional mais do que qualificado para realizar os procedimentos que envolvem a Harmonização Orofacial, pois  já é treinado para trabalhar com a complexidade cirúrgica, estética e funcional.

No início de outubro, o programa Fantástico apresentou uma reportagem chamada “Desarmonização Facial”, onde um cantor se dizia descontente com o procedimento estético que havia feito. Na ocasião, a repórter fez uma matéria generalizante, sem informações completas, e dando a entender que somente médicos, e não dentistas, estariam aptos a realizar a Harmonização Facial. 

A Resolução 198/2019  do Conselho Federal de Odontologia reconhece a Harmonização Orofacial como especialidade odontológica, estipulando os requisitos necessários para o exercício da função. 

“Os erros ocorrem pelo despreparo e desconhecimento do profissional e não pela sua especialidade ou profissão .Existem bons e maus, preparados e despreparados. O importante sempre é pesquisar e buscar opiniões, indicações, registros, certificações dos profissionais que as pessoas procuram para qualquer procedimento”, finaliza Dra. Danielly Moura.
Jacson Gonçalves

Tenho 25 anos sou natural de Salvador, Bahia. Sou cadeirante, jornalista, Blogueiro e Digital influencer. Ser jornalista é também contribuir com o exercício da profissão e ter na veia a responsabilidade social de levar informação e entretenimento.

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *