O Portal Jack Comunica não se responsabiliza pelos conteúdos publicados pelos nossos colunistas.

“Quem só pisa em mármore nunca vai saber a dor das pessoas que mais precisam”, diz governador Rui Costa em encontro com Major Denice na Liberdade

Foto divulgação

Em um ato simbólico na Liberdade, bairro em que nasceu e cresceu, o governador da Bahia, Rui Costa (PT), visitou, ao lado da candidata à Prefeitura de Salvador Major Denice Santiago, a casa onde passou a infância. Assim foi dado início à campanha da ‘Coligação que Cuida de Gente’ (PT-PSB).
Ao visitar a residência, Rui Costa relembrou as dificuldades que viveu e alertou sobre a importancia de Salvador ter uma líder no Executivo Municipal que entenda a dor das pessoas que mais precisam.
“Iniciar aqui significa dizer à cidade que nós precisamos de gente no comando que conheça onde o povo mora e vive e que tenha sensibilidade de cuidar das pessoas. Quem nasce e se cria em bairros como Liberdade e São Gonçalo do Retiro não esquece de onde veio e leva para vida a sua origem e o entendimento das dificuldades que as pessoas passam. A cabeça pensa por onde os pés pisam ou pisaram. Quem sempre pisou em tapete acochoado ou em mármore acha que a vida de todo mundo é boa. Mas quem nasceu e viveu na dificuldade sabe a como o povo sofre para sobreviver”, disse o governador.
Fabíola Mansur (PSB), candidata a vice-prefeita de Salvador na aliança, também participou do ato. Ela celebrou o início da camapanha eleitoral e comentou a sensação de estar vivendo este momento.
“Dá um frio na barriga que é natural no início da jornada. Mas estar aqui, no coração da cidade, nesse lugar que representa muito para a Salvador que a gente está defendendo, é indescritível. Começando essa caminhada daqui dá uma energia extra para construirmos a Salavdor que queremos que é uma cidade mais justa, igualitária, solidária e, acima de tudo, mais humana”, concluiu Fabíola Mandur.
Fabio Almeida

Tenho 38 anos, nascido em Salvador/Ba, um soteropolitano nato. Jornalista de profissão sigo o compromisso e responsabilidade com a verdade e apuração dos fatos.

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *