O Portal Jack Comunica não se responsabiliza pelos conteúdos publicados pelos nossos colunistas.

Inaugurado Centro de Imunologia e Imunoterapia Pasteur-Fiocruz no Ceará

Na sexta-feira (17/5), o Ceará celebrou a abertura do Centro Pasteur Fiocruz de Imunologia e Imunoterapia, um empreendimento que une especialistas do Instituto Pasteur e da Fiocruz. A iniciativa visa acelerar a pesquisa em imunologia e imunoterapia tanto em nível regional quanto global, focando em doenças infecciosas e não transmissíveis, como câncer, doenças autoimunes, degenerativas e negligenciadas. O projeto conta com o apoio do Governo do Ceará e do Ministério para a Europa e Relações Exteriores da França, por meio da embaixada francesa em Brasília.

A cerimônia de inauguração contou com a presença do governador do Ceará, Elmano de Freitas, do presidente da Fiocruz, Mario Moreira, do vice-presidente executivo sênior de Assuntos Científicos do Instituto Pasteur, Christophe d’Enfert, da vice-presidente de Educação, Informação e Comunicação da Fiocruz, Cristiani Vieira Machado, e do coordenador da Estratégia Agenda 2030 Fiocruz (EFA 2030/Fiocruz), Paulo Gadelha. Também estiveram presentes o secretário de Ciência, Tecnologia, Inovação e Complexo da Saúde do Ministério da Saúde, Carlos Gadelha, representando a ministra da Saúde, Nísia Trindade Lima, além da coordenadora da Fiocruz Ceará, Carla Celedônio, do cônsul-geral da França, Serge Gas, do prefeito de Eusébio, Acilon Gonçalves Pinto Filho, e de membros da Rede Pasteur nas Américas, incluindo representantes dos Institutos Pasteur de Guadeloupe, Guyane, São Paulo e Montevidéu.

Mario Moreira, presidente da Fiocruz, destacou o Centro como um projeto exemplar, evidenciando sua competência científica e seu modelo inovador de arranjos institucionais. Ele ressaltou a importância do Centro para o desenvolvimento científico e tecnológico, e a criação de novos produtos de saúde. Christophe D’Enfert, vice-presidente do Institut Pasteur, mencionou a parceria histórica entre Brasil e França, e enfatizou a ambição do projeto, alinhado com as estratégias das instituições envolvidas.

O vice-presidente do Institut Pasteur, Christophe D’Enfert, ressaltou que o projeto representa um novo avanço na duradoura e sólida colaboração entre Brasil e França. Ele lembrou que Oswaldo Cruz fez seus estudos em Paris e, ao retornar ao Brasil, fundou a Fiocruz, afirmando que a Fundação carrega um pouco ou muito da influência francesa. D’Enfert destacou que este projeto ambicioso está em plena sintonia com as estratégias das duas instituições envolvidas e certamente promoverá sinergias para uma ciência inovadora, beneficiando ambos os países. Ele também enfatizou o compromisso das instituições com a formação das futuras gerações de cientistas na área de imunologia e imunoterapia.

“Um dos privilégios do Centro é ter como patronos dois dos maiores cientistas do mundo: Oswaldo Cruz e Louis Pasteur. Sua criação representa um marco significativo no avanço do conhecimento em imunologia e imunoterapia. As pesquisas nesses temas se mostram cruciais para o desenvolvimento de novas estratégias de prevenção, diagnóstico e tratamento”, pontuou o coordenador do Centro, João Hermínio. Já a coordenadora do Centro, Caroline Passaes, enfatizou que a parceria se tornou realidade graças ao trabalho feito nos últimos anos. “O espaço, antes dedicado ao diagnóstico da covid-19, foi ressignificado e agora inicia uma nova fase, com o foco no desenvolvimento em terapias avançadas em prol da população”, apontou.

A imunoterapia é uma estratégia de saúde pública que modula o sistema imunológico para tratar diversas doenças, não apenas câncer, mas também doenças infecciosas e outras condições não transmissíveis. O Centro reafirma os fortes laços de cooperação entre França e Brasil no campo da pesquisa científica e tecnológica.

O Centro Pasteur-Fiocruz tem como prioridades científicas o câncer, doenças infecciosas e negligenciadas, e doenças autoimunes, neurodegenerativas e inflamatórias. Entre os projetos em desenvolvimento estão tratamentos para doenças neurodegenerativas, conjugados anticorpo-fármaco, nanocorpos para doenças tropicais negligenciadas, células CAR-T e imunoterapias para melhorar funções das células T.

Coordenadora da Fiocruz Ceará, Carla Celedonio se emocionou ao citar o projeto como a reafirmação da colaboração centenária entre as instituições. “Isso reforça o poder impulsionador da ação para uma das vocações da Fiocruz Ceará: o desenvolvimento de novas terapias e tecnologias para a saúde da nossa população”, disse. “Essa realidade não teria sido construída se não fossem as ações para descentralização da ciência e tecnologia do eixo Sul-Sudeste”, afirmou.

O acordo de criação do Centro foi assinado por Mario Moreira, Christophe D’Enfert, João Hermínio e Caroline Passaes. O evento também contou com a assinatura do decreto que institui o Distrito de Inovação em Saúde do Ceará pelo governador Elmano de Freitas. Na ocasião, os convidados visitaram o Centro e seus laboratórios, onde uma placa homenageia Oswaldo Cruz e Louis Pasteur.

A inauguração do Centro foi precedida pelo Simpósio Pasteur Fiocruz em Imunologia e Imunoterapia, reunindo pesquisadores de todo o mundo para discutir avanços na imunologia e imunoterapia. O Centro trabalhará em estreita colaboração com Bio-Manguinhos/Fiocruz e outras instituições de pesquisa e empresas, adotando um modelo de uso compartilhado de equipamentos.

Localizado no campus da Fiocruz Ceará, em Eusébio, a 30 minutos de Fortaleza, o novo Centro ocupa um prédio de 2.350 m² e se beneficiará da infraestrutura da unidade regional da Fiocruz, estabelecida em 2008 e que atualmente serve como âncora tecnológica do Polo Industrial e Tecnológico de Saúde do Ceará (PITS).

Os laços históricos entre o Instituto Pasteur e o Brasil e a força da Rede Pasteur sublinham a importância do novo Centro, que promete trazer avanços significativos em saúde pública e científica, beneficiando tanto Brasil quanto França.

Fernando

Sou o Fernando, nascido em Pernambuco, colunista e ator. Tenho muita verdade é responsabilidade no meu trabalho.

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *